Blog

Como economizar água na obra?

21 de outubro de 2014

Poucas coisas são tão fundamentais na hora de construir como a água. Maquinário de corte e produção de cimento são alguns exemplos do seu uso em obras. Mas o seu baixo custo percentual no valor da construção e a falta de conscientização sobre o tema resultam no uso sem responsabilidade desse bem, aumentando os gastos com água.

Consumo de água na construção civil

De acordo com um documento disponibilizado pelo Senado, 16% da água do mundo é consumida pela construção civil. Uum perigo no momento de escassez de recursos hidroenergéticos do país, ou seja, é preciso economizar água na obra.

O conceito de sustentabilidade em construções é uma realidade nos dias atuais. Grandes eventos como a Copa do Mundo e as Olimpíadas, já disseminam seu ideal verde pelo mundo e certificados e selos ambientais agregam valor à obra.
A sustentabilidade está presente em todas as fases da construção: do projeto e escolha de materiais à demolição e reciclagem.

Todos estão lutando para reduzir os seus impactos negativos no meio ambiente. Por isso, a redução e o uso de fontes de energia renovável, material reciclável, luz e ventilação naturais, cobertura verde e, claro, a economia de água na obra são tendências da construção civil.

Dicas para economizar água na obra

A principal dica para economizar água na obra é sua reutilização. Estocar água usada em certas operações pode ser uma ótima solução para o seu reuso, gerando economia, sustabilidade e praticidade. Entretanto, existem outras opções que são muito importantes para cortar gastos na construção:

  • Recolhimento de água da chuva para reutilização: esse sistema pode ser feito com coletor, canos, filtro e um recipiente para armazenamento.
  • Reduzir o uso da mangueira: o uso da mangueira é muito importante e agiliza alguns processos da obra. Apesar da praticidade, as mangueiras podem facilitar o uso indiscriminado da água, levando ao aumento de custos. Por isso, é recomendável utilizar baldes sempre que o serviço for mais simples e não necessitar de uma quantidade elevada de água.
  • A reutilização é uma forma de economizar água na obra, mas não a única. Com os avanços tecnológicos, hoje existe uma série de materiais de construção inteligentes, que não exigem adição ou uso de água, que vão de argamassas a ferramentas. Isso gera uma maior produtividade para sua construção.
  • O aluguel de equipamentos também surge como solução para esse problema: os equipamentos alugados tendem a ser modernos e estar em ótimas condições, garantindo eficiência no uso dos recursos.

A busca por um futuro melhor é missão de todos e com certeza passa pelas mãos da construção civil mundial. Não só economizar água na obra, mas ter cuidado com todos os seus recursos naturais. Não só olhar para o preço dos materiais sustentáveis, mas para o ganho em eficiência da construção. Não só pensar nas dificuldades de uma obra verde, mas para o legado deixado ao meio ambiente. É assim que a modernização e os projetos de baixo impacto vão se tornar constantes na construção civil.

Receba dicas e novidades

Siga a Loxam Degraus